quinta-feira, 10 de março de 2016

Tiro, porrada, bomba e meus fones de ouvido.

Se tira foto é exibicionista; se não gosta de foto é apático; se gosta do presente é superficial; se gosta do passado é saudosista; se mora com os pais é acomodado; se mora sozinho é encalhado; se é casado é careta; se é gay é porque faltou experiência; se é hétero é porque faltou experiência; se é velho é ranzinza; se é jovem é imaturo; se compartilha é exibicionista; se guarda pra si é egoísta; se tem carro é babaca; se tem bicicleta é babaca; se grita é louco; se fala é idealista de sofá; se bebe é fraco; se não bebe é fraco; se xinga é agressivo; se não xinga é passivo --

não pode ser magra, é escrava do padrão; não pode ser gorda, está fora do padrão; não pode ter casa, é elitista; não pode morar na rua, é vagabundo; não pode ser branco, é aristocrata; não pode ser negro, é vitimista; não pode ser homem, é opressor; não pode ser mulher, é vadia; não pode ser feminista, é histérica; não pode ser de esquerda, é lunático e burro; não pode ser de direita, é reaça e burro; não pode ter empatia, é hipócrita; não pode não estar nem aí, é alienado; não pode ser rico, é ladrão; não pode ser pobre, é preguiçoso; não pode dançar, tá fingindo ser feliz; não pode ficar parado, é esnobe; não pode ser patrão, é opressor; não pode ser empregado, é acomodado; não pode gostar de cultura estrangeira, é imperialista; não pode gostar da cultura nacional, é xenófobo; não pode comer hambúrguer, fica doente; não pode comer linhaça, é mala; não pode pular carnaval, é hype; não pode ficar em casa, é arrogante; não pode ver BBB, é fútil; não pode ver Wim Wenders, é pedante; não pode ficar feliz, é falso; não pode ser infeliz, é pose; não pode usar maquiagem, tá querendo; não pode ter cara limpa, é largada; não pode estudar pouco, não temos vaga pro seu perfil; não pode estudar muito, não temos vaga pro seu perfil; não pode reclamar, é chato; não pode ficar quieto, é sem opinião; 

não pode, não pode, não pode, não pode, não pode, não pode, não pode, não pode, não pode, não pode, não pode, não pode, não pode, não pode, não pode, não pode, não pode, não pode, não pode, não pode, não pode, não pode, não pode, não pode, não pode, não pode, não pode, não pode, não pode, não pode, não pode, não pode, não pode, não pode, não pode, não pode, não pode, não pode, não pode, não pode, não pode, não pode, não pode, não pode, não pode, não pode, não pode, não pode, não pode, não pode, não pode, não pode, não pode, não pode, não pode, não pode --

Viver tem sido ficar em pânico no meio da rua em meio a duas margens alagadas e intransponíveis. Hoje escolho, por tempo indeterminado, ficar ali na pista, desviando dos carros com meus fones de ouvido.