quinta-feira, 24 de julho de 2014

Ariano.


A primeira vez que abordei um autor foi em 2012, quando Ariano Suassuna esteve presente na Mostra Sesc de Artes, no Sesc Carmo, declamando seus sonetos e falando sobre sua vida e seus sonhos. Havia uma sensibilidade ali tão simples e bonita, e aquele momento me despertou tanta coisa, me atingiu em tantos pontos que eu me aproximei dele ao final do evento para conversar e registrar o encontro. É a memória que vou guardar de um escritor tão querido.